Documentos

VALIDAÇÃO DE REGISTRO EM OUTROS PAÍSES

Emissão de Declaração ou Validação de Registro para outros países.
Serviço destinado ao profissional que irá exercer a profissão fora do Brasil e necessite comprovar a situação do registro junto ao Coren-RN, podendo ser através de um dos seguintes documentos (conforme exigência do país de destino):
Formulário emitido pelo órgão responsável no país de destino a ser preenchido pelo Coren-RN ou Certidão.
Observação: A Certidão e o formulário poderão ser emitido/preenchido em português ou inglês, a depender da forma como o requerente solicitar.


Documentos necessários

Apresentar original e cópia simples dos documentos abaixo relacionados:
1. Original e cópia da carteira de identidade civil- RG ou outro documento com valor legal, no qual consta data da emissão e o órgão emitente, na impossibilidade de apresentar o RG (Registro Geral) será analisado documento substitutivo válido (ver data de validade impressa no documento). Documentos substitutivos sujeitos à análise: Carteira Nacional de Habilitação; Passaporte, Carteira de Identidade Militar; Carteira de Identidade de Órgãos de Fiscalização Profissional.
2. Formulário emitido pelo orgão responsável no país de destino (se houver).
Observação: No ato de pedido, o profissional deverá informar se o documento deverá ser encaminhado pelo Coren-RN diretamente ao órgão através de Carta Registrada Internacional ou se retirará o documento pessoalmente, podendo ser retirado em envelope fechado do Coren-RN.
Prazo de Retirada no Coren-RN: Até 30 (trinta) dias da data de solicitação.

TRANSFERÊNCIA DE INSCRIÇÃO

1. 02 (duas) fotos 3x4 recente e sem correções digitais com fundo branco, não utilizada anteriormente e com menos de 6 meses. Não são permitidas fotos com óculos, faixa, tiara, lenço, boné ou qualquer tipo de adorno que prejudique a identificação, exceto por razões religiosas ou tratamento quimioterápico;
2. Certidão de Nascimento ou Casamento – com averbação quando houver (de separação, divórcio, óbito, etc.);
3. Original e cópia da carteira de identidade civil- RG ou outro documento com valor legal, no qual consta data da emissão e o órgão emitente, na impossibilidade de apresentar o RG (Registro Geral) será analisado documento substitutivo válido (ver data de validade impressa no documento). Documentos substitutivos sujeitos à análise: Carteira Nacional de Habilitação; Passaporte, Carteira de Identidade Militar; Carteira de Identidade de Órgãos de Fiscalização Profissional.
4. Original e cópia da carteira de identidade, no caso de estrangeiro, nos termos da legislação própria;
5. CPF – Cadastro de Pessoa Física (caso o número não conste no RG);
6. Original e cópia do título de eleitor com comprovante de votação da última eleição e/ou certidão de quitação eleitoral emitida pela justiça eleitoral; Atenção: A justificativa eleitoral não vale como quitação e, portanto, não será aceita;.
7. Comprovante de Residência – com CEP e data de emissão recente (1 (um) comprovante emitido no período dos últimos 6 meses e não é necessário o comprovante estar no nome do profissional);
8. Certidão ou comprovante de quitação com serviço militar para o sexo masculino, com idade inferior a 46 anos;
9. Original e cópia do comprovante de recolhimento da taxa de emissão de carteira e inscrição definitiva, bem como a anuidade do exercício;
Atenção: não serão aceitos protocolos de solicitação de documentos, protocolos de segunda via de documentos e documentos de identidade com validade expirada.
Certidão de Transferência – emitida pelo COREN de origem;
Diploma ou Certificado – com o respectivo selo ou termo de registro do Conselho Federal de Enfermagem (Cofen);
Carteira de Identidade Profissional – expedida pelo COREN que o profissional possui Inscrição Definitiva Principal;
O pagamento das taxas pode ser feito em agências bancárias, casas lotéricas, caixas eletrônicos ou por net banking (internet).
Prazo de Ativação da Inscrição no Coren-RN: até 10 (dez) dias úteis da data da assinatura do requerimento de inscrição na sede e até 20 (Vinte) dias úteis nas Subseções.

SUSPENSÃO DE INSCRIÇÃO

Serviço destinado ao profissional que está afastado temporariamente do exercício profissional na categoria que solicitará o serviço.
Observação: para solicitar o serviço o profissional deve ter exercido a profissão na categoria e estar em dia com as anuidades junto ao Coren-RN.
Documentos Necessários:
Original do RG (Registro Geral) documento preferencial para identificação.
Na impossibilidade de apresentar o RG (Registro Geral) será analisado documento substitutivo válido (ver data de validade impressa no documento).
Documentos substitutivos sujeitos à análise: Carteira Nacional de Habilitação; Passaporte, Carteira de Identidade Militar; Carteira de Identidade de Órgãos de Fiscalização Profissional;
Original e cópia simples do Comprovante do afastamento das atividades na categoria (laudo médico, carteira de trabalho com anotação de baixa na categoria, comprovante de licença sem vencimentos, entre outros);
Valor da Taxa: Isento (válido para 2018).

ORIENTAÇÕES COMPLEMENTARES
A suspensão tem validade de um ano, devendo ser prorrogada antes do vencimento. Caso contrário a inscrição será reativada automaticamente;
Para obter a suspensão de inscrição o profissional deverá estar regular com as obrigações pecuniárias perante a Autarquia, bem como não responder a processo ético.
O profissional fica impedido de exercer a profissão, ainda que em serviço voluntário;
O profissional com inscrição suspensa poderá requerer a qualquer momento a revogação da suspensão, sendo isento de taxa;
O Profissional fica isento do pagamento de anuidades, a partir da data do requerimento;
O exercício de atividade durante a suspensão poderá acarretar processo ético por descumprimento das normas vigentes.

SEGUNDA VIA DE CARTEIRA (POR ROUBO OU FURTO)

Segunda Via da Carteira de Identidade Profissional Definitiva / Remida / Especialização / Atendente

POR ROUBO OU FURTO

1. 02 (duas) fotos 3x4 recente e sem correções digitais com fundo branco, não utilizada anteriormente e com menos de 6 meses. Não são permitidas fotos com óculos, faixa, tiara, lenço, boné ou qualquer tipo de adorno que prejudique a identificação, exceto por razões religiosas ou tratamento quimioterápico;
2. Certidão de Nascimento ou Casamento – com averbação quando houver (de separação, divórcio, óbito, etc.);
3. Original e cópia da carteira de identidade civil- RG ou outro documento com valor legal, no qual consta data da emissão e o órgão emitente, na impossibilidade de apresentar o RG (Registro Geral) será analisado documento substitutivo válido (ver data de validade impressa no documento). Documentos substitutivos sujeitos à análise: Carteira Nacional de Habilitação; Passaporte, Carteira de Identidade Militar; Carteira de Identidade de Órgãos de Fiscalização Profissional.
4. Original e cópia da carteira de identidade, no caso de estrangeiro, nos termos da legislação própria;
5. Comprovante de Residência – com CEP e data de emissão recente (1 (um) comprovante emitido no período dos últimos 6 meses e não é necessário o comprovante estar no nome do profissional);
6. Boletim de Ocorrência Policial – B.O. – mencionando obrigatoriamente a carteira do Coren;
Valor da taxa: Isento Conforme Resolução Cofen 560/2017 Art. 48, §1º.
Prazo de Retirada da 2ª via da Carteira no Coren-RN: até 20 (Vinte) dias úteis da data da assinatura do requerimento de Inscrição Secundária na sede e até 30 (Trinta) dias úteis nas Subseções.

SEGUNDA VIA DE CARTEIRA (POR MUDANÇA DE NOME, EXTRAVIO, DESTRUIÇÃO OU INUTILIZAÇÃO)

Segunda Via da Carteira de Identidade Profissional Definitiva / Remida / Especialização / Atendente

POR MUDANÇA DE NOME, EXTRAVIO, DESTRUIÇÃO OU INUTILIZAÇÃO.

1. 01 (duas) fotos 3x4 recente e sem correções digitais com fundo branco, não utilizada anteriormente e com menos de 6 meses. Não são permitidas fotos com óculos, faixa, tiara, lenço, boné ou qualquer tipo de adorno que prejudique a identificação, exceto por razões religiosas ou tratamento quimioterápico;
2. Certidão de Nascimento ou Casamento – com averbação quando houver (de separação, divórcio, óbito, etc.);
3. Original e cópia da carteira de identidade civil- RG ou outro documento com valor legal, no qual consta data da emissão e o órgão emitente, na impossibilidade de apresentar o RG (Registro Geral) será analisado documento substitutivo válido (ver data de validade impressa no documento). Documentos substitutivos sujeitos à análise: Carteira Nacional de Habilitação; Passaporte, Carteira de Identidade Militar; Carteira de Identidade de Órgãos de Fiscalização Profissional.
4. Original e cópia da carteira de identidade, no caso de estrangeiro, nos termos da legislação própria;
5. Comprovante de Residência – com CEP e data de emissão recente (1 (um) comprovante emitido no período dos últimos 6 meses e não é necessário o comprovante estar no nome do profissional);
6. Carteira de Identidade Profissional – do Coren-RN, no caso de mudança de nome e no estado que a carteira se encontra quando por inutilização se disponível;
7. Boletim de Ocorrência Policial – B.O. – mencionando obrigatoriamente a carteira do COREN, no caso de extravio;
8. Valor da taxa: R$ 76,96 (válida para 2018).
Prazo de Retirada da 2ª via da Carteira no Coren-RN: até 20 (Vinte) dias úteis da data da assinatura do requerimento de Inscrição Secundária na sede e até 30 (Trinta) dias úteis nas Subseções.
O pagamento das taxas pode ser feito em agências bancárias, casas lotéricas, caixas eletrônicos ou por net banking (internet).

RENOVAÇÃO DE CARTEIRA

Para requerer a substituição da carteira, o profissional deverá regularizar sua situação financeira e cadastral junto ao Coren-RN, conforme Resol. Cofen nº 560/2017 Art. 48 §1º ao §6º.
1. 01 (uma) fotos 3x4 recente e sem correções digitais com fundo branco, não utilizada anteriormente e com menos de 6 meses. Não são permitidas fotos com óculos, faixa, tiara, lenço, boné ou qualquer tipo de adorno que prejudique a identificação, exceto por razões religiosas ou tratamento quimioterápico;
2. Certidão de Nascimento ou Casamento – com averbação quando houver (de separação, divórcio, óbito, etc.);
3. Original e cópia da carteira de identidade civil- RG ou outro documento com valor legal, no qual consta data da emissão e o órgão emitente, na impossibilidade de apresentar o RG (Registro Geral) será analisado documento substitutivo válido (ver data de validade impressa no documento). Documentos substitutivos sujeitos à análise: Carteira Nacional de Habilitação; Passaporte, Carteira de Identidade Militar; Carteira de Identidade de Órgãos de Fiscalização Profissional.
4. Original e cópia da carteira de identidade, no caso de estrangeiro, nos termos da legislação própria;
5. Comprovante de Residência – com CEP e data de emissão recente (1 (um) comprovante emitido no período dos últimos 6 meses e não é necessário o comprovante estar no nome do profissional);
Prazo de Retirada da Renovação no Coren-RN: até 20 (Vinte) dias úteis da data da assinatura do requerimento de Renovação na sede e até 30 (Trinta) dias úteis nas Subseções.
Observação: “O número de identidade constante na carteira do COREN será o do documento apresentado. Por exemplo: caso seja apresentada a CNH, o número utilizado será o de registro desta”.

REINSCRIÇÃO DE INSCRIÇÃO CANCELADA EM OUTRO ESTADO

Além dos documentos relacionados, na inscrição cancelada no Estado do Rio Grande do Norte, apresentar:
Certidão Negativa – emitida pelo COREN em que o profissional cancelou a Inscrição Definitiva, e certidão negativa de outra categoria caso o profissional tenha Inscrição Definitiva e/ou Provisória (ativa ou cancelada);
Diploma ou Certificado – com o respectivo selo ou termo de registro do Conselho Federal de Enfermagem (Cofen);
Atenção: não serão aceitos protocolos de solicitação de documentos, protocolos de segunda via de documentos e documentos de identidade com validade expirada.
O pagamento das taxas pode ser feito em agências bancárias, casas lotéricas, caixas eletrônicos ou por net banking (internet).
Prazo de Reativação da Inscrição no Coren-RN: até 10 (dez) dias úteis da data da assinatura do requerimento de inscrição na sede e até 20 (Vinte) dias úteis nas Subseções.

REGISTRO DE ESPECIALIZAÇÃO–AUXILIARES E TÉCNICOS DE ENFERMAGEM

1. 02 (duas) fotos 3x4 recente e sem correções digitais com fundo branco, não utilizada anteriormente e com menos de 6 meses. Não são permitidas fotos com óculos, faixa, tiara, lenço, boné ou qualquer tipo de adorno que prejudique a identificação, exceto por razões religiosas ou tratamento quimioterápico;
2. Certidão de Nascimento ou Casamento – com averbação quando houver (de separação, divórcio, óbito, etc.);
3. Original e cópia da carteira de identidade civil- RG ou outro documento com valor legal, no qual consta data da emissão e o órgão emitente, na impossibilidade de apresentar o RG (Registro Geral) será analisado documento substitutivo válido (ver data de validade impressa no documento). Documentos substitutivos sujeitos à análise: Carteira Nacional de Habilitação; Passaporte, Carteira de Identidade Militar;
Carteira de Identidade de Órgãos de Fiscalização Profissional.
4. Original e cópia da carteira de identidade, no caso de estrangeiro, nos termos da legislação própria;
5. CPF – Cadastro de Pessoa Física (caso o número não conste no RG);
6. Original e cópia do título de eleitor com comprovante de votação da última eleição e/ou certidão de quitação eleitoral emitida pela justiça eleitoral; Atenção: A justificativa eleitoral não vale como quitação e, portanto, não será aceita.
7. Comprovante de Residência – com CEP e data de emissão recente (1 (um) comprovante emitido no período dos últimos 6 meses e não é necessário o comprovante estar no nome do profissional);
8. Certidão ou comprovante de quitação com serviço militar para o sexo masculino, com idade inferior a 46 anos;
9. Original e cópia do comprovante de recolhimento da taxa de emissão de Inscrição de Especialista e Carteira;
10. Valor da taxa: para emissão do registro de especialista R$ 109,58 (válida para 2018)
11. Valor da taxa para emissão da carteira de especialista: R$ 76,96 (válida para 2018)

ORIENTAÇÕES DE REGISTROS
• Certificado – de conclusão do curso de especialização, mencionando o título a que faz juz e com registro do sistema educacional como explicado a seguir:
Nos Diplomas e Certificados emitidos no estado do Rio Grande do Norte, deve constar o Registro da Inspeção Escolar (SEEC-RN).
Cursos iniciados a partir de 01 de janeiro de 2013, além de estarem cadastrados no Sistema Nacional de Informações da Educação Profissional e Tecnológica do Ministério da Educação – MEC – SISTEC (Res. CNE nº 03/2009) devem ter o código de autenticação do MEC – SISTEC apostilado (anotado) no diploma pela instituição de ensino (Res. CNE nº 06/2012).
ATENÇÃO: não serão aceitos protocolos de solicitação de documentos, protocolos de segunda via de documentos e documentos de identidade com validade expirada.
• Histórico Escolar – do curso de especialização (poderá estar no verso do certificado);
• Prazo: De 20 (vinte) até 30 (trinta) dias úteis da data de Assinatura do Requerimento.
O pagamento das taxas pode ser feito em agências bancárias, casas lotéricas, caixas eletrônicos ou por net banking (internet).
Orientações Complementares
• Para o registro é necessário que o profissional tenha inscrição ativa no Coren-RN na categoria correspondente à solicitação de registro.
• A expedição do Certificado de especialização deve obedecer às normas da Lei Federal nº 7.088/83.
• Para o registro de especialização com Certificados de Especialização de Nível Médio emitidos por instituições estrangeiras deverão apresentar a documentação escolar como segue:
Certificado – revalidado no Brasil por uma instituição pública de ensino;
Certificado Traduzido – tradução realizada por tradutor público juramentado (exceto para certificados expedidos em língua portuguesa);
Histórico Escolar – acompanhado de cópia da tradução juramentada (exceto para Histórico Escolar expedido em língua portuguesa).

REGISTRO DE ESPECIALIZAÇÃO – ENFERMEIROS E OBSTETRIZES

• Certificado de Especialização;
• Histórico Escolar;
O certificado de conclusão do curso de pós-graduação lato sensu deve ser acompanhado do respectivo histórico escolar constando obrigatoriamente:
I – a outorga do título de “Especialista” ao concluinte do curso; II – título da especialização; III – área de conhecimento do curso; IV – relação das disciplinas; V – carga horária de cada disciplina; VI – nota ou conceito obtido pelo aluno por disciplina; VII – nome e qualificação dos professores responsáveis por cada disciplina; VIII – período em que o curso foi realizado; IX – duração total em horas de efetivo trabalho acadêmico¹; X – título da monografia ou do trabalho de conclusão do curso e respectiva nota ou conceito obtido; XI – declaração da instituição de que o curso cumpriu todas as disposições da Resolução vigente na época do início do curso; e XII – citação do ato legal de credenciamento da instituição.
• A carga horário do trabalho de conclusão do curso ou monografia não pode compor as horas totais de efetivo trabalho acadêmico.
• Comprovante do Exercício da Especialidade – somente para Enfermagem Obstétrica ou Obstetriz (Obrigatório nos termos do Art. 1º da Resolução nº 516/2016).
Documentação necessária
1. 02 (duas) fotos 3x4 recente e sem correções digitais com fundo branco, não utilizada anteriormente e com menos de 6 meses. Não são permitidas fotos com óculos, faixa, tiara, lenço, boné ou qualquer tipo de adorno que prejudique a identificação, exceto por razões religiosas ou tratamento quimioterápico;
2. Certidão de Nascimento ou Casamento – com averbação quando houver (de separação, divórcio, óbito, etc.);
3. Original e cópia da carteira de identidade civil- RG ou outro documento com valor legal, no qual consta data da emissão e o órgão emitente, na impossibilidade de apresentar o RG (Registro Geral) será analisado documento substitutivo válido (ver data de validade impressa no documento). Documentos substitutivos sujeitos à análise: Carteira Nacional de Habilitação; Passaporte, Carteira de Identidade Militar;
Carteira de Identidade de Órgãos de Fiscalização Profissional.
4. Original e cópia da carteira de identidade, no caso de estrangeiro, nos termos da legislação própria;
5. CPF – Cadastro de Pessoa Física (caso o número não conste no RG);
6. Original e cópia do título de eleitor com comprovante de votação da última eleição e/ou certidão de quitação eleitoral emitida pela justiça eleitoral; Atenção: A justificativa eleitoral não vale como quitação e, portanto, não será aceita.
7. Comprovante de Residência – com CEP e data de emissão recente (1 (um) comprovante emitido no período dos últimos 6 meses e não é necessário o comprovante estar no nome do profissional);
8. Certidão ou comprovante de quitação com serviço militar para o sexo masculino, com idade inferior a 46 anos;
9. Prazo: De 20 (vinte) até 30 (trinta) dias úteis da data de Assinatura do Requerimento.
Orientações Complementares
• Para o registro é necessário que o profissional tenha inscrição ativa no Coren-RN.
• Certificados emitidos por Sociedades de Especialistas em Enfermagem, cujas provas tenham sido aplicadas entre 1991 e 12/07/2001 deverão vir acompanhados de cópia de documento(s) que comprove(m) o exercício profissional (ensino, pesquisa e/ou assistência) na área de especialidade requerida, por tempo mínimo de 3(três) anos.
• A expedição do certificado de especialista deve obedecer às normas da Lei Federal nº 7.088/83.
• Para o registro de especialização com Diplomas e Certificados de Especialização de Nível Superior emitidos por instituições estrangeiras deverão apresentar a documentação escolar como segue:
Diploma ou Certificado – revalidado no Brasil por uma instituição pública de ensino ¹;
Diploma ou Certificado Traduzido – tradução realizada por tradutor público juramentado (exceto para diplomas ou certificados expedidos em língua portuguesa);
Histórico Escolar – acompanhado de cópia da tradução juramentada (exceto para Histórico Escolar expedido em língua portuguesa).

REABERTURA DE INSCRIÇÃO DEFINITIVA PRINCIPAL

1. 02 (duas) fotos 3x4 recente e sem correções digitais com fundo branco, não utilizada anteriormente e com menos de 6 meses. Não são permitidas fotos com óculos, faixa, tiara, lenço, boné ou qualquer tipo de adorno que prejudique a identificação, exceto por razões religiosas ou tratamento quimioterápico;
2. Certidão de Nascimento ou Casamento – com averbação quando houver (de separação, divórcio, óbito, etc.);
3. Original e cópia da carteira de identidade civil- RG ou outro documento com valor legal, no qual consta data da emissão e o órgão emitente, na impossibilidade de apresentar o RG (Registro Geral) será analisado documento substitutivo válido (ver data de validade impressa no documento). Documentos substitutivos sujeitos à análise: Carteira Nacional de Habilitação; Passaporte, Carteira de Identidade Militar; Carteira de Identidade de Órgãos de Fiscalização Profissional.
4. Original e cópia da carteira de identidade, no caso de estrangeiro, nos termos da legislação própria;
5. CPF – Cadastro de Pessoa Física (caso o número não conste no RG);
6. Original e cópia do título de eleitor com comprovante de votação da última eleição e/ou certidão de quitação eleitoral emitida pela justiça eleitoral; Atenção: A justificativa eleitoral não vale como quitação e, portanto, não será aceita.
7. Comprovante de Residência – com CEP e data de emissão recente (1 (um) comprovante emitido no período dos últimos 6 meses e não é necessário o comprovante estar no nome do profissional);
8. Certidão ou comprovante de quitação com serviço militar para o sexo masculino, com idade inferior a 46 anos;
9. Original e cópia do comprovante de recolhimento da taxa de emissão de carteira e inscrição definitiva, bem como a anuidade do exercício;

INSCRIÇÃO SEM DIPLOMA

Para quem tenha concluído o curso (auxiliar, técnico ou colou grau em enfermagem ou obstetrícia) em até 1 (um) ano após a data da conclusão.
1. 02 (duas) fotos 3x4 recente e sem correções digitais com fundo branco, não utilizada anteriormente e com menos de 6 meses. Não são permitidas fotos com óculos, faixa, tiara, lenço, boné ou qualquer tipo de adorno que prejudique a identificação, exceto por razões religiosas ou tratamento quimioterápico;
2. Certidão de Nascimento ou Casamento – com averbação quando houver (de separação, divórcio, óbito, etc.);
3. Original e cópia da carteira de identidade civil- RG ou outro documento com valor legal, no qual consta data da emissão e o órgão emitente, na impossibilidade de apresentar o RG (Registro Geral) será analisado documento substitutivo válido (ver data de validade impressa no documento). Documentos substitutivos sujeitos à análise: Carteira Nacional de Habilitação; Passaporte, Carteira de Identidade Militar; Carteira de Identidade de Órgãos de Fiscalização Profissional.
4. Original e cópia da carteira de identidade, no caso de estrangeiro, nos termos da legislação própria;
5. CPF – Cadastro de Pessoa Física (caso o número não conste no RG);
6. Original e cópia do título de eleitor com comprovante de votação da última eleição e/ou certidão de quitação eleitoral emitida pela justiça eleitoral; Atenção: A justificativa eleitoral não vale como quitação e, portanto, não será aceita.
7. Comprovante de Residência – com CEP e data de emissão recente (1 (um) comprovante emitido no período dos últimos 6 meses e não é necessário o comprovante estar no nome do profissional);
8. Certidão ou comprovante de quitação com serviço militar para o sexo masculino, com idade inferior a 46 anos;
9. Original e cópia do comprovante de recolhimento da taxa de emissão de carteira e inscrição definitiva, bem como a anuidade do exercício;
Certificado de Colação de Grau ou Certidão de Colação de Grau – em substituição ao diploma;
Histórico escolar – do curso de Técnico de Enfermagem (Auxiliar ou Técnico);
Certidão Negativa: emitida pelo COREN de outro estado, caso o profissional tenha Inscrição Provisória (ativa ou cancelada) ou Inscrição Definitiva Principal em outra categoria;
Atenção: não serão aceitos protocolos de solicitação de documentos, protocolos de segunda via de documentos e documentos de identidade com validade expirada.
O pagamento das taxas pode ser feito em agências bancárias, casas lotéricas, caixas eletrônicos ou por net banking (internet).
Prazo de Reativação da Inscrição no Coren-RN: até 10 (dez) dias úteis da data da assinatura do requerimento de inscrição na sede e até 30 (trinta) dias úteis nas Subseções.

INSCRIÇÃO SECUNDÁRIA

1. 02 (duas) fotos 3x4 recente e sem correções digitais com fundo branco, não utilizada anteriormente e com menos de 6 meses. Não são permitidas fotos com óculos, faixa, tiara, lenço, boné ou qualquer tipo de adorno que prejudique a identificação, exceto por razões religiosas ou tratamento quimioterápico;
2. Certidão de Nascimento ou Casamento – com averbação quando houver (de separação, divórcio, óbito, etc.);
3. Original e cópia da carteira de identidade civil- RG ou outro documento com valor legal, no qual consta data da emissão e o órgão emitente, na impossibilidade de apresentar o RG (Registro Geral) será analisado documento substitutivo válido (ver data de validade impressa no documento). Documentos substitutivos sujeitos à análise: Carteira Nacional de Habilitação; Passaporte, Carteira de Identidade Militar; Carteira de Identidade de Órgãos de Fiscalização Profissional.
4. Original e cópia da carteira de identidade, no caso de estrangeiro, nos termos da legislação própria;
5. CPF – Cadastro de Pessoa Física (caso o número não conste no RG);
6. Original e cópia do título de eleitor com comprovante de votação da última eleição e/ou certidão de quitação eleitoral emitida pela justiça eleitoral; Atenção: A justificativa eleitoral não vale como quitação e, portanto, não será aceita.
7. Comprovante de Residência – com CEP e data de emissão recente (1 (um) comprovante emitido no período dos últimos 6 meses e não é necessário o comprovante estar no nome do profissional);
8. Certidão ou comprovante de quitação com serviço militar para o sexo masculino, com idade inferior a 46 anos;
9. Original e cópia do comprovante de recolhimento da taxa de emissão de carteira e inscrição definitiva, bem como a anuidade do exercício;
Certidão Negativa – expedida pelo COREN em que o profissional possui Inscrição Definitiva Principal;
Comprovante de Pagamento da Anuidade – do ano vigente referente à Inscrição Definitiva Principal (caso não conste da Certidão Negativa);
Diploma ou Certificado – com o respectivo selo ou termo de registro do Conselho Federal de Enfermagem (Cofen);
Carteira de Identidade Profissional–expedida pelo COREN que o profissional possui Inscrição Definitiva na validade;
Atenção: não serão aceitos protocolos de solicitação de documentos, protocolos de segunda via de documentos e documentos de identidade com validade expirada.
O pagamento das taxas pode ser feito em agências bancárias, casas lotéricas, caixas eletrônicos ou por net banking (internet).
Prazo de Ativação da Inscrição Secundária no Coren-RN: até 10 (dez) dias úteis da data da assinatura do requerimento de inscrição na sede e até 20 (Vinte) dias úteis nas Subseções.

INSCRIÇÃO DEFINITIVA–ENFERMEIROS

1. 02 (duas) fotos 3x4 recente e sem correções digitais com fundo branco, não utilizada anteriormente e com menos de 6 meses. Não são permitidas fotos com óculos, faixa, tiara, lenço, boné ou qualquer tipo de adorno que prejudique a identificação, exceto por razões religiosas ou tratamento quimioterápico;
2. Certidão de Nascimento ou Casamento – com averbação quando houver (de separação, divórcio, óbito, etc.);
3. Original e cópia da carteira de identidade civil- RG ou outro documento com valor legal, no qual consta data da emissão e o órgão emitente, na impossibilidade de apresentar o RG (Registro Geral) será analisado documento substitutivo válido (ver data de validade impressa no documento). Documentos substitutivos sujeitos à análise: Carteira Nacional de Habilitação; Passaporte, Carteira de Identidade Militar; Carteira de Identidade de Órgãos de Fiscalização Profissional.
4. Original e cópia da carteira de identidade, no caso de estrangeiro, nos termos da legislação própria;
5. CPF – Cadastro de Pessoa Física (caso o número não conste no RG);
6. Original e cópia do título de eleitor com comprovante de votação da última eleição e/ou certidão de quitação eleitoral emitida pela justiça eleitoral; Atenção: A justificativa eleitoral não vale como quitação e, portanto, não será aceita.
7. Comprovante de Residência – com CEP e data de emissão recente (1 (um) comprovante emitido no período dos últimos 6 meses e não é necessário o comprovante estar no nome do profissional);
8. Certidão ou comprovante de quitação com serviço militar para o sexo masculino, com idade inferior a 46 anos;
9. Original e cópia do comprovante de recolhimento da taxa de emissão de carteira e inscrição definitiva, bem como a anuidade do exercício;
Atenção: não serão aceitos protocolos de solicitação de documentos, protocolos de segunda via de documentos e documentos de identidade com validade expirada.
O pagamento das taxas pode ser feito em agências bancárias, casas lotéricas, caixas eletrônicos ou por net banking (internet).
Prazo de Ativação do número de Inscrição no Coren-RN: até 10 (dez) dias úteis da data da assinatura do requerimento de inscrição na sede e até 20 (Vinte) dias úteis nas Subseções.
“A ativação do número de inscrição habilita o profissional ao exercício da profissão no Estado do Rio Grande do Norte na categoria que estiver inscrito.”
“Com a ativação do número de inscrição estará disponível no site do Coren-RN a Certidão de Regularidade, documento oficial hábil para comprovar a inscrição até que a Carteira de Identidade Profissional seja retirada.”

INSCRIÇÃO DEFINITIVA–AUXILIAR DE ENFERMAGEM

1. 02 (duas) fotos 3x4 recente e sem correções digitais com fundo branco, não utilizada anteriormente e com menos de 6 meses. Não são permitidas fotos com óculos, faixa, tiara, lenço, boné ou qualquer tipo de adorno que prejudique a identificação, exceto por razões religiosas ou tratamento quimioterápico;
2. Certidão de Nascimento ou Casamento – com averbação quando houver (de separação, divórcio, óbito, etc.);
3. Original e cópia da carteira de identidade civil- RG ou outro documento com valor legal, no qual consta data da emissão e o órgão emitente, na impossibilidade de apresentar o RG (Registro Geral) será analisado documento substitutivo válido (ver data de validade impressa no documento). Documentos substitutivos sujeitos à análise: Carteira Nacional de Habilitação; Passaporte, Carteira de Identidade Militar; Carteira de Identidade de Órgãos de Fiscalização Profissional.
4. Original e cópia da carteira de identidade, no caso de estrangeiro, nos termos da legislação própria;
5. CPF – Cadastro de Pessoa Física (caso o número não conste no RG);
6. Original e cópia do título de eleitor com comprovante de votação da última eleição e/ou certidão de quitação eleitoral emitida pela justiça eleitoral; Atenção: A justificativa eleitoral não vale como quitação e, portanto, não será aceita.
7. Comprovante de Residência – com CEP e data de emissão recente (1 (um) comprovante emitido no período dos últimos 6 meses e não é necessário o comprovante estar no nome do profissional);
8. Certidão ou comprovante de quitação com serviço militar para o sexo masculino, com idade inferior a 46 anos;
9. Original e cópia do comprovante de recolhimento da taxa de emissão de carteira e inscrição definitiva, bem como a anuidade do exercício;
ORIENTAÇÕES DE REGISTROS
Nos Diplomas e Certificados emitidos no estado do Rio Grande do Norte, deve constar o Registro da Inspeção Escolar (SEEC-RN).
Cursos iniciados a partir de 01 de janeiro de 2013, além de estarem cadastrados no Sistema Nacional de Informações da Educação Profissional e Tecnológica do Ministério da Educação – MEC – SISTEC (Res. CNE nº 03/2009) devem ter o código de autenticação do MEC – SISTEC apostilado (anotado) no diploma pela instituição de ensino (Res. CNE nº 06/2012).
Atenção: não serão aceitos protocolos de solicitação de documentos, protocolos de segunda via de documentos e documentos de identidade com validade expirada.
O pagamento das taxas pode ser feito em agências bancárias, casas lotéricas, caixas eletrônicos ou por net banking (internet).
Prazo de Ativação do número de Inscrição no Coren-RN: até 10 (dez) dias úteis da data da assinatura do requerimento de inscrição na sede e até 20 (Vinte) dias úteis nas Subseções.
“A ativação do número de inscrição habilita o profissional ao exercício da profissão no Estado do Rio Grande do Norte na categoria que estiver inscrito.”
“Com a ativação do número de inscrição estará disponível no site do Coren-RN a Certidão de Regularidade, documento oficial hábil para comprovar a inscrição até que a Carteira de Identidade Profissional seja retirada.”

INSCRIÇÃO DEFINITIVA TÉCNICO DE ENFERMAGEM

1. 02 (duas) fotos 3x4 recente e sem correções digitais com fundo branco, não utilizada anteriormente e com menos de 6 meses. Não são permitidas fotos com óculos, faixa, tiara, lenço, boné ou qualquer tipo de adorno que prejudique a identificação, exceto por razões religiosas ou tratamento quimioterápico;
2. Certidão de Nascimento ou Casamento – com averbação quando houver (de separação, divórcio, óbito, etc.);
3. Original e cópia da carteira de identidade civil- RG ou outro documento com valor legal, no qual consta data da emissão e o órgão emitente, na impossibilidade de apresentar o RG (Registro Geral) será analisado documento substitutivo válido (ver data de validade impressa no documento). Documentos substitutivos sujeitos à análise: Carteira Nacional de Habilitação; Passaporte, Carteira de Identidade Militar; Carteira de Identidade de Órgãos de Fiscalização Profissional.
4. Original e cópia da carteira de identidade, no caso de estrangeiro, nos termos da legislação própria;
5. CPF – Cadastro de Pessoa Física (caso o número não conste no RG);
6. Original e cópia do título de eleitor com comprovante de votação da última eleição e/ou certidão de quitação eleitoral emitida pela justiça eleitoral; Atenção: A justificativa eleitoral não vale como quitação e, portanto, não será aceita.
7. Comprovante de Residência – com CEP e data de emissão recente (1 (um) comprovante emitido no período dos últimos 6 meses e não é necessário o comprovante estar no nome do profissional);
8. Certidão ou comprovante de quitação com serviço militar para o sexo masculino, com idade inferior a 46 anos;
9. Original e cópia do comprovante de recolhimento da taxa de emissão de carteira e inscrição definitiva, bem como a anuidade do exercício;
ORIENTAÇÕES DE REGISTROS
Nos Diplomas e Certificados emitidos no estado do Rio Grande do Norte, deve constar o Registro da Inspeção Escolar (SEEC-RN).
Cursos iniciados a partir de 01 de janeiro de 2013, além de estarem cadastrados no Sistema Nacional de Informações da Educação Profissional e Tecnológica do Ministério da Educação – MEC – SISTEC (Res. CNE nº 03/2009) devem ter o código de autenticação do MEC – SISTEC apostilado (anotado) no diploma pela instituição de ensino (Res. CNE nº 06/2012).
Atenção: não serão aceitos protocolos de solicitação de documentos, protocolos de segunda via de documentos e documentos de identidade com validade expirada.
O pagamento das taxas pode ser feito em agências bancárias, casas lotéricas, caixas eletrônicos ou por net banking (internet).
Prazo de Ativação do número de Inscrição no Coren-RN: até 10 (dez) dias úteis da data da assinatura do requerimento de inscrição na sede e até 20 (Vinte) dias úteis nas Subseções.
“A ativação do número de inscrição habilita o profissional ao exercício da profissão no Estado do Rio Grande do Norte na categoria que estiver inscrito.”
“Com a ativação do número de inscrição estará disponível no site do Coren-RN a Certidão de Regularidade, documento oficial hábil para comprovar a inscrição até que a Carteira de Identidade Profissional seja retirada.”

CANCELAMENTO DE INSCRIÇÃO

1. Original e cópia da carteira de identidade civil- RG ou outro documento com valor legal, no qual consta data da emissão e o órgão emitente, na impossibilidade de apresentar o RG (Registro Geral) será analisado documento substitutivo válido (ver data de validade impressa no documento). Documentos substitutivos sujeitos à análise: Carteira Nacional de Habilitação; Passaporte, Carteira de Identidade Militar;
Carteira de Identidade de Órgãos de Fiscalização Profissional.
2. CPF – Cadastro de Pessoa Física (caso o número não conste no RG);
3. Devolução da Carteira de Identidade Profissional–do Coren-RN, ou Boletim de Ocorrência Policial – B.O. – mencionando obrigatoriamente a carteira do COREN, no caso de extravio;
4. IMPORTANTE: A solicitação de cancelamento efetuada até 31 de março isentará o profissional do pagamento da anuidade do ano vigente, conforme resolução do COFEN 448/2013. Para cancelamentos efetuados a partir de 01 de abril, a cobrança da anuidade será proporcional ao período em que a inscrição esteve ativa.
5. Valor da taxa: R$ 65,22 (válida para 2018).
Prazo de cancelamento da Inscrição no Coren-RN: até 20 (vinte) dias úteis da data da assinatura do requerimento na sede e até 30 (trinta) dias úteis nas Subseções.

AUTORIZAÇÃO PARA ATENDENTE

1. 02 (duas) fotos 3x4 recente e sem correções digitais com fundo branco, não utilizada anteriormente e com menos de 6 meses. Não são permitidas fotos com óculos, faixa, tiara, lenço, boné ou qualquer tipo de adorno que prejudique a identificação, exceto por razões religiosas ou tratamento quimioterápico;
2. Certidão de Nascimento ou Casamento – com averbação quando houver (de separação, divórcio, óbito, etc.);
3. Original e cópia da carteira de identidade civil- RG ou outro documento com valor legal, no qual consta data da emissão e o órgão emitente, na impossibilidade de apresentar o RG (Registro Geral) será analisado documento substitutivo válido (ver data de validade impressa no documento). Documentos substitutivos sujeitos à análise: Carteira Nacional de Habilitação; Passaporte, Carteira de Identidade Militar;
Carteira de Identidade de Órgãos de Fiscalização Profissional.
4. Original e cópia da carteira de identidade, no caso de estrangeiro, nos termos da legislação própria;
5. CPF – Cadastro de Pessoa Física (caso o número não conste no RG);
6. Original e cópia do título de eleitor com comprovante de votação da última eleição e/ou certidão de quitação eleitoral emitida pela justiça eleitoral; Atenção: A justificativa eleitoral não vale como quitação e, portanto, não será aceita.
7. Comprovante de Residência – com CEP e data de emissão recente (1 (um) comprovante emitido no período dos últimos 6 meses e não é necessário o comprovante estar no nome do profissional);
8. Certidão ou comprovante de quitação com serviço militar para o sexo masculino, com idade inferior a 46 anos;
9. Original e cópia do comprovante de recolhimento das taxas de Inscrição de Atendente/Carteira de Atendente. (fornecido pelo Coren-RN).
9. Carteira de trabalho onde conste contrato de admissão anterior a 26 de junho de 1986
OBS.: os atendentes de enfermagem e assemelhados receberão autorização nos termos das Leis nº 7.498/1986, nº 8.967/1994 e da Resolução Cofen n.º 185/95.
Prazo de Ativação do número de Atendente (Autorização) no Coren-RN: até 10 (dez) dias úteis da data da assinatura do requerimento de inscrição na sede e até 20 (Vinte) dias úteis nas Subseções.